notícias

05/10/2017 Após Programa Cultural, público terá Festival Gastronômico com pratos típicos


Na próxima sexta-feira, dia 6, a partir das 19h30, o Programa Cultural da Festa da Cevada 2017 apresentará ao público um verdadeiro Caldeirão Cultural. Primeiramente, o público conhecerá fatos históricos curiosos e pouco conhecidos acerca da culinária e do dialeto suábio. Mas, logo na sequência, é hora de conhecer, ou matar a saudade, de delícias gastronômicas inerentes à cultura moldada ao longo dos séculos.

Assim que terminar o terceiro e último bloco do programa, que intercalará um bem-humorado teatro e apresentações culturais, tem início o Festival Gastronômico, nas dependências do Colégio Imperatriz Dona Leopoldina – anexo ao Centro Cultural Mathias Leh.

Serão servidos oito pratos salgados e quatro doces, ao preço único de R$ 5 por porção. São pratos típicos que serão citados durante o teatro, como Gulasch, Sarma, Schmarren, Bretzel, Apfelstrudel, Dobosch, crepe e até brigadeiro (confira a lista completa abaixo). Haverá venda de refrigerantes, cerveja e chope. A inovação foi organizada pela equipe da Fundação Cultural Suábio-Brasileira e contará com apoio dos grupos culturais.

PROGRAMA CULTURAL

O programa cultural tem início às 19h30, no Centro Cultural Mathias Leh, na Colônia Vitória, e será realizada em alemão. Um guia em português auxiliará o público não fluente no alemão. Números de dança, canto, música e teatro, dos grupos da Fundação Cultural Suábio-Brasileira, irão “mergulhar” os presentes na vasta culinária suábia, trazendo consigo a origem de dezenas de palavras e expressões adquiridas ao longo dos últimos três séculos por influência de outras etnias, como a alemã, austríaca, brasileira, croata, francesa, húngara, sérvia, suíça, romena e tcheca, entre outras.

Um bem-humorado teatro, escrito pelo jornalista Klaus Pettinger, atuará como fio-condutor de todo o programa, que terá aproximadamente duas horas de duração. Enquanto os personagens principais – um casal de amigos, chamado Toni e Vroni – se aventuram na fictícia “Biblioteca Mundial dos Suábios”, a fim de coletar informações para o casamento típico de um grande amigo, eles acabam descobrindo fatos históricos da trajetória secular de seus antepassados. 

À medida que Toni e Vroni avançam em suas descobertas, os grupos culturais apresentam atrações relacionadas aos respectivos assuntos e etnias abordados. “A cozinha e o dialeto suábios sofreram as mais diversas influências, do Império Otomano à Áustria, da Hungria, Romênia e Iugoslávia até os gaúchos, já aqui no Brasil”, destacou a gerente sociocultural Viviane Schüssler. “Nossa intenção é valorizar e honrar essa diversidade por meio de um divertido e criativo programa cultural”.

FESTIVAL GASTRONÔMICO

PRATOS SALGADOS

- Gulasch (Ensopado de carne e pão)
- Sarma (Bolinho de carne – charuto – com chucrute e pão)
- Leberknödelsuppe (Sopa com nhoque de fígado de frango e macarrão e pão)
- Fleisch und Soße (Músculo em cubos cozido com molho de tomate ou molho de raiz forte e pão)
- Schmarren (Massa de crepe ou panqueca com compota de maçã)
- Bretzel (Massa de pão assado no forno em formato de Bretzel)
- Kipfel (Massa de pão assada no forno em formato de meia-lua)
- Bogätschle (Massa folheada com torresmo moído)

PRATOS DOCES

- Apfelstrudel (Massa folheada com recheio de maçã)
- Dobosch (Bolo de camadas de chocolate)
- Crepe (Massa com recheio de chocolate ou presunto e queijo)
- Brigadeiro (Doce à base de chocolate e leite condensado)


Agraria Cooperativa Agrária Agroindustrial (42) 3625-8000 saca@agraria.com.br